Buscar
  • torquatotec

O que você precisa saber antes de reformar seu banheiro

Por um bom tempo o banheiro foi um cômodo esquecido nos imóveis, pois era visto apenas como um local para higiene pessoal. No entanto, hoje em dia ele se tornou um espaço dedicado para o autocuidado, além de ganhar mais destaque devido às diferentes alternativas de decoração, assim como a instalação de banheira de hidromassagem. Justamente por isso e também pela influência do COVID-19 que fez com que as pessoas buscassem maior bem-estar e qualidade de vida, as reformas de banheiro começaram a ganhar força. Mas, sabemos que nem todo mundo tem facilidade no assunto e por isso, no post de hoje vamos falar tudo o que você precisa saber antes de reformar seu banheiro.


1. É fundamental se planejar


Assim como realizar a manutenção de banheira de hidromassagem é importante, o planejamento inicial é fundamental para garantir que tudo saia como o esperado. O primeiro ponto é avaliar sua situação financeira para entender quanto pode investir na sua reforma para evitar dívidas e outros problemas.


Além disso, é importante fazer o projeto da reforma e saber o que será alterado. Por exemplo, será uma reforma completa? Pretende realocar alguma parede? Será necessário mudar o encanamento, revestimentos?


Sendo assim, não podemos deixar de destacar a importância de um profissional especializado no assunto. Afinal, ele irá garantir que tudo o que estiver no planejamento seja viável, além de prever alguns possíveis problemas. Além disso, mesmo que seja uma reforma simples, o banheiro não poderá ser usado por pelo menos alguns dias e por isso, você precisa se organizar para ficar sem ele.


2. Você pode minimizar o quebra-quebra


Obviamente o profissional contratado irá orientar sobre o quebra-quebra, mas de qualquer maneira, é importante lembrar que é possível reformar o banheiro sem quebrar paredes. Por exemplo, trocar o espelho, iluminação, mobiliário, metais, etc já é uma boa maneira de transformar o cômodo. Portanto, avalie o orçamento disponível e converse com o arquiteto contratado para explicar quais são suas necessidades e o que pretende com seu banheiro.


3. Faça todos os orçamentos antes de começar a obra


É fato que imprevistos acontecem em obras e reformas, surgindo demandas de última hora que precisam ser custeadas. Justamente por isso, é fundamental estudar seu orçamento para disponibilizá-lo já com uma margem para imprevistos. Portanto, ter uma noção do orçamento da obra antes de iniciá-la é essencial para não correr o risco de precisar interrompê-la. Para isso, você deve listar junto com o arquiteto todas as etapas do projeto, materiais necessários e mão-de-obra.


4. Contrate mão-de-obra especializada


Obviamente, dependendo da natureza e tamanho da obra, é possível fazer algumas coisas no estilo DIY (Do It Yourself ou Faça Você Mesmo). Mas, de maneira geral, investir em mão de obra especializada é uma ótima dica para reformas de banheiro. Isso porque, atividades como troca de revestimento, instalação da parte hidráulica e elétrica exigem conhecimentos específicos. E, quando mal feitas, podem gerar custo e tempo de obra muito maior do que o previsto, além de colocar em risco sua segurança.


5. Siga o cronograma definido


Na maior parte dos casos, o cronograma de obra começa com a parte civil, que é quebrar e levantar paredes. Em seguida, a colocação dos revestimentos de piso e parede, da bancada, dos espelhos e do box. Por fim, a última etapa é a da marcenaria. Ao seguir essa ordem em sua reforma de banheiro e prever o tempo gasto em cada uma das etapas, se torna mais difícil ocorrer surpresas desagradáveis ao longo do processo.


6. Não vá sempre pelo mais barato


Ter um profissional especializado ao seu lado é uma ótima maneira de escolher os materiais certos para sua obra. Isso porque, muitas vezes optamos pelo mais barato, visto que as reformas por si só já nos custam bastante dinheiro. No entanto, esse é um grande erro, pois em alguns casos, o material mais caro pode ter maior qualidade e durabilidade, possuindo melhor custo-benefício. Afinal, não será necessário realizar sua troca em pouco tempo, como poderia acontecer com algum item mais barato.


7. Cuidado com o caimento do ralo


Por fim, o caimento do ralo é um ponto extremamente importante, visto que se for feito errado, será necessário realizar o conserto (que não é tão simples quanto fazer) e até mesmo uma nova obra, gerando ainda mais gastos. Portanto, o caimento deve ser de, no mínimo, 1 a 2% e o acabamento deve ser muito bem feito para evitar cantos vivos entre as peças de revestimento.


Então, agora que você entendeu alguns dos principais pontos para reformar o banheiro, já pode começar a colocar a mão na massa. Lembre-se de criar um planejamento, avaliar seu orçamento disponível e contratar mão-de-obra qualificada. Dessa forma, você evita dores de cabeça desnecessárias durante a obra e após sua conclusão, garantindo economia e bem-estar para seus dias.


E então, gostou do post de hoje? Não deixe de conferir outras matérias disponíveis em nosso Blog.


Torquato Tec. Sua empresa de Instalação e Manutenção de Hidromassagem.



O que você precisa saber antes de reformar seu banheiro


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo